Upgrade no CV? Use o voucher CATARINTA2018 na TIExames para ganhar 12% desconto.

Saiba a diferença entre um curso técnico e uma faculdade de TI

Curso Superior TécnicoOs dois tipos ensinam as técnicas para atuar na área, porém com duração, enfoque e peso no currículo diferentes. Os cursos técnicos possuem, em média, 1000 horas aula e duram em torno de um ano e meio.

Já a graduação de bacharelado dura cerca de quatro anos e possui 3000 horas aula. Quem optar por curso técnico ou faculdade de TI no atual momento da economia brasileira estará tomando uma boa decisão. Afinal, uma comparação entre oferta e demanda feita pela Brasscom (Associação Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação) mostra que, no Estado de São Paulo, há 13.998 vagas para 10.174 concluintes de cursos de ensino superior no setor de TIC (Tecnologias da Informação e Comunicação).

Segundo a Brasscom, haverá falta de profissionais de TI no mercado nos próximos anos, o que deve puxar os salários desses profissionais para cima e acelerar a carreira dos jovens que se prepararem bem e tiverem talento.

“A escolha por um curso técnico ou superior varia de acordo com o objetivo do profissional”, diz Ozeas Vieira Santana Filho, especialista em tecnologia e desenvolvimento de sistemas do Senac-SP. Para Ozeas, o jovem estudante deve ficar atento às características de cada curso e planejar sua carreira dede cedo.

No caso específico dos trabalhadores de TI, há ainda a opção de certificar-se em uma ou outra tecnologia específica, o que também ajuda a conseguir um bom emprego e turbinar a carreira.

Veja abaixo as diferenças entre os três tipos de cursos.

Técnico Quem opta por este curso de menor carga horária geralmente são alunos que saem do ensino médio e que desejam entrar no mercado de trabalho rapidamente. Segundo Santana, este curso é procurado também por quem não consegue pagar a mensalidade de uma faculdade ou por profissionais que concluíram outros cursos e querem aprender sobre uma outra área, diz.

Santana afirma que, depois de obter o diploma de ensino técnico, é comum que os alunos façam a matrícula em um curso superior. “O profissional somente atingirá um cargo gerencial com um diploma de bacharelado. Ele irá desperdiçar oportunidades se ficar somente com um diploma de curso técnico” afirma.

Superior – As aulas de um curso superior oferecem a oportunidade de aprender mais pois o aluno possui mais tempo para pesquisar sobre outras áreas da profissão. Com isso, o mercado reconhece que o profissional adquiriu um conhecimento mais abrangente.

“O investimento é maior, o curso demora mais, mas as oportunidades de trabalho são melhores para os profissionais que concluem um curso de bacharelado”, diz Santana. Há também o curso de tecnólogo com duração de dois anos a três anos. Ele possui enfoque mais específico e forma um profissional para uma área mais restrita. Esta modalidade de curso dura em torno de 2000 horas e os alunos recebem um diploma de ensino superior.

O curso de tecnólogo pode ser uma boa opção para quem não pode ou não deseja ficar na faculdade por muitos anos ou para um profissional que já está no mercado e precisa rapidamente de um diploma para poder ascender na empresa onde está empregado. De toda a forma, é importante lembrar que os melhores cargos e salários serão ocupados por profissionais não só com curso superior completo, mas também com pós-graduação e especializações. Assim, quem tiver condições de fazer um curso superior completo, terá melhores perspectivas profissionais.

Certificação – Em TI, possuir uma certificação é sinônimo de que o profissional possui conhecimentos avançados na área. Segundo Santana, o mercado valoriza muito as certificações, que são provas de conhecimento feitas por empresas como Oracle, Microsoft e IBM.

“Se a pessoa obteve uma certificação, isso atesta que ela está pronta para atuar na área econhece bem a ferramenta. Ser certificado é um diferencial no currículo, com certeza”, afirma.

Uma carreira de sucesso e bem planejada pode envolver realizar os três tipos de cursos ao longo da vida profissional. Na área de TI, como em tantas outras, será cada vez mais importante estudar ao longo de toda a vida. Quanto melhor for a formação do profissional e o investimento que ele fizer em sua educação, maiores serão suas chances de ascensão.

Tanto a certificação como o curso técnico são atalhos para conseguir um trabalho ou promoção mais rapidamente, mas a faculdade e uma eventual pós ou MBA será fundamental para levar o profissional ao topo da carreira.

 

Para quem estiver interessado em dar um upgrade na carreira, confira os cursos preparatórios para certificação oferecidos pelo nosso parceiro. Aproveite o código bônus oferecido pelo Blumenau TI e ganhe 10% de desconto.

Deixe o seu pensamento